As exportações da indústria têxtil e vestuário continuam a crescer.

No período de Janeiro a Setembro de 2010, Portugal exportou 2715 milhões de euros, mais 4,7% do que o valor exportado em 2010. Em termos absolutos, no capítulo onde se incluem os têxteis-lar houve um aumento de 31,4 milhões, seguido das fibras sintéticas ou artificiais descontínuas com um aumento de 26 milhões euros.

Os produtos têxteis exportaram mais 11,5% em comparação com o valor exportado no período homólogo de 2009, enquanto nos produtos acabados (vestuário e têxteis-lar) a evolução foi de 2,3%. As importações de têxteis e vestuário também aumentaram (7,8%), sobretudo devido às importações dos produtos têxteis (mais 13,8% em comparação com o período homólogo de 2009).

Em termos absolutos, Portugal importou mais 64 milhões euros de matérias-primas de algodão (rama, fios e tecidos) e mais 35 milhões euros de filamentos sintéticos ou artificiais.

As importações de produtos acabados (vestuário e têxteis-lar) cresceram 3,7%. O saldo da balança comercial da indústria têxtil e vestuário é agora de 345,8 milhões de euros, a que corresponde uma taxa de cobertura de 115%.

Fonte: Sol

Comentários

comentarios

2010-11-11T18:40:50+00:00 11/11/2010|Categorias: Estatística|0 comentários
error: Segurança, acima de tudo! ;)