O grupo indiano Tata está a negociar a aquisição da ex-Aerosoles, empresa actualmente com a designação de Move On, apurou o PÚBLICO junto de fonte conhecedora das negociações.

O processo de venda daquele que chegou a ser o maior fabricante de calçado português já começou há algum tempo e as negociações com o gigante da indústria automóvel “estão bem encaminhadas”, adiantou a mesma fonte.

A informação da venda do grupo português, actualmente nas mãos da ECS Capital, gestora do Fundo Recuperação de Empresas que comprou a empresa em processo de insolvência, começou a circular em Milão, onde decorre a Micam, feira internacional de calçado.

Responsáveis da Move On, em Milão, dizem desconhecer a venda da empresa. Contactado pela Lusa, fonte do Fundo de Recuperação de Empresas, detido pelo Estado e pelos cinco maiores bancos portugueses, que eram os principais credores da empresa, disse estar “a analisar parcerias e operações estratégicas para as suas participadas, entre as quais se insere a Move On”.

A venda da ex-Aerosoles inclui as fábricas de Esmoriz, que emprega 200 trabalhadores, e da Índia (250 trabalhadores) para onde o grupo se tinha internacionalizado. Curiosamente, os problemas financeiros da Aerosoles, liderada pelo empresário Artur Duarte, surgiram depois da abertura da fábrica na Índia.

A multinacional Tata é o maior grupo empresarial privado da Índia, com negócios nos sectores do aço e automóveis, onde se contam as recentes aquisições da Jaguar e Land Rover, mas também em tecnologias de informação, comunicação, energia e hotelaria.

FontePúblico

Comentários

comentarios

2016-02-28T10:47:15+00:00 21/09/2010|Categorias: Portugal|Tags: , |0 comentários
error: Segurança, acima de tudo! ;)