A Petrobras está a intensificar os estudos para a construção de unidades de produção de “diesel verde” a partir do óleo de palma, o dendê, afirmou o director do sector do etanol da empresa em balanço feito hoje.


“Estamos a intensificar os estudos para a construção de unidades de produção do biodiesel ou diesel verde, um produto com qualidades superiores ao diesel mineral”, declarou Ricardo Castello Branco, director de etanol da área dos biocombustíveis da Petrobras.

“A fábrica será instalada numa das refinarias da Galp, em Portugal, e o detalhe(pormenores) do projecto ainda está em estudo, mas será construído de forma coerente com o prazo do óleo que estamos a começar a plantar”, salientou Castello Branco.

Os projectos de produção de biodiesel a partir do óleo de palma prevêem a construção de uma fábrica própria no Estado do Pará, na região Norte do Brasil, com início de operação em Julho de 2013, e também Portugal em parceria com a Galp Energia, o denominado Projecto Belém.

Em Lisboa, foi assinado este ano um acordo entre as duas petrolíferas para produção de biocombustíveis em Portugal, na refinaria de Sines, com capacidade de produção para cerca de 260 mil toneladas de biodiesel por ano.

A estratégia de suprimento da unidade de biodiesel em Portugal prevê a implantação de um pólo agroindustrial no Brasil de cultivo da palma com uma produção estimada de 300 mil toneladas por ano. Os investimentos somam 290 milhões de dólares no Brasil.

O investimento total estimado para o projecto é de 530 milhões de dólares, a ser realizado em partes iguais pelas empresas.

Ao serem questionados sobre a possibilidade de a Petrobras ingressar na estrutura accionista da Galp, os directores da empresa estatal brasileira presentes no encontro com a imprensa no Rio de Janeiro informaram que “não têm nenhum comentário a fazer” e, caso haja alguma intenção neste sentido, a empresa irá pronunciar-se no momento adequado.

Fonte: Oje

Comentários

comentarios

2010-12-14T22:56:46+00:0014/12/2010|Categorias: Portugal|0 comentários
error: Segurança, acima de tudo! ;)